Publicidade velada: o que é, como agir?

9 de maio de 2016

7 thoughts on “Publicidade velada: o que é, como agir?

  1. Excelente artigo. Eu ainda não monetizei meu blog, nem fiz nenhum tipo de publicidade. Mas é ótimo receber essas dicas pois também prezo pela ética e transparência em todos meus trabalhos. Parabéns pelo post!

  2. Respeito a sua opinião, mas blogs realmente grandes não sinalizam os publiposts, como é o caso da Lala Rudge, Mariah Bernardes e Thassia Naves entre outros.
    E como advogada é bom que saiba que não é cabível multa por um blog não sinalizar que é um publipost, primeiro pq o Conar não tem força de lei e o Código de Defesa do Consumidor pede prova da lesão causada. O limite entre um post e publipost é muito tênue e dificílimo de provar.

    1. Oi Angela! Realmente, blogs muito grandes não sinalizam publiposts e justamente por esse motivo são investigados, notificados e divulgados em meio a essa repercussão extremamente negativa.

      Como no caso das 3 blogueiras que você mencionou (http://g1.globo.com/economia/midia-e-marketing/noticia/2012/08/conar-investiga-tres-blogs-por-propaganda-velada-da-sephora.html), não é necessário pesquisar muito que logo encontramos uma série de matérias sobre a situação com a Sephora.

      Outro exemplo de publicidade velada, dessa vez recente: http://blogs.oglobo.globo.com/lauro-jardim/post/conar-ve-propaganda-velada-em-posts-de-gabriela-pugliesi-sobre-skol-ultra-no-instagram.html

      Pesquisei melhor e realmente o blogueiro não é multado por isso. Porém, como você é advogada deve saber que é proibida por lei a prática de conteúdos patrocinados na rede social de fotos de forma velada. A publicação pode resultar em multa à empresa que pagou pelo post. Porém, o dano maior a quem publica esse conteúdo é a perda tanto da credibilidade como a de anunciantes.

      O que entra em questão não é multa, mas a credibilidade e a ética de um profissional. Para quem trabalha com a imagem, é fundamental ter cuidado com o tipo de notícias que estão relacionadas a sua marca.

      Obrigada por me informar sobre o erro em relação a penalidade para o blogueiro, vou fazer essa correção no post. Beijos!

  3. Pior do que perder o dinheiro da publicidade é perder o seu público por não ser verdadeiro ao dizer que tal conteúdo foi patrocinado. Nosso compromisso principal é com o leitor!

    rsenhando.blogspot.com.br

    1. Oi Paula! Ficamos felizes que tenha gostado. Bom, quando a empresa encaminha um presskit apenas para conhecimento de um novo produto/linha não é necessário sinalizar, mas você pode indicar que o item em questão foi fornecido pela assessoria ou pela própria marca. Agora, quando a marca entra em contato diretamente com você e propõe uma permuta para a divulgação, é sim considerado um publipost. Espero ter ajudado! Beijos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Me segue lá no Instagram

This error message is only visible to WordPress admins

Error: API requests are being delayed for this account. New posts will not be retrieved.

Log in as an administrator and view the Instagram Feed settings page for more details.